Historia
 

HISTÓRIA DO TENNIS


Muito pouco se sabe sobre a origem do tênis. Alguns crêem que ele surgiu como uma variante dos antigos jogos de bola praticados por egípicios, gregos e romanos. Outros acreditam que o tênis deriva de um jogo romano chamado "harpastum", que foi adaptado pelo país basco e recebeu o nome de "jeu de paume" porque a bola era batida contra um muro com a palma da mão.

Mais tarde surgiu o "court-paume", jogo similar, jogado em recinto fechado, mas de técnica mais complexa e exigindo uma superfície menor para sua prática. As partidas eram disputadas em melhor de 11 jogos, saindo vencedora a equipe que fizesse primeiro os seis jogos. Eis porque, no tênis, os seis jogos (games) definem, em regra, uma partida (s). Somente no século XIV apareceu a raquete, invenção italiana, que tornou o jogo de "paume" menos violento e mais interessante, facilitando sua prática pelo resto da França.

O esporte logo atravessou o Canal da Mancha e, já neste século, era muito conhecido em toda a Inglaterra, tendo o Rei Henrique VIII como um de seus praticantes mais habilidosos. Com o aparecimento da bola de borracha, em meados do século XIX, surgiu na Grã-Bretanha o tennis ao ar livre, ou "RealTennis", bastante semelhante ao "court-paume", mas sem paredes laterais e de serviço.

Em 1873, o major inglês Walter Wingfield em serviço na Índia, a pedido das ladyes inglesas entediadas por não terem o que fazer, estudou os jogos precurssores do tênis e introduziu alterações em suas regras.

Em 1874, Wingfield registrou a patente do jogo, ao qual se chamou "Sphairistike" em homenagem aos gregos que assim chamavam os exercícios feitos com auxílios de bolas.

Esse nome, no entanto, não durou muito, sendo logo substituído por Tênis, que provavelmente deriva do francês "tenez" que significa PEGA! e era exclamado quando o jogador atirava a bola para o adversário.

O tênis (chamado nessa época de "tennis-in-lawn" por ser jogado em quadras de grama), logo expandiu-se por toda  a Índia,  impulsionado pelo entusiasmo das senhoras e logo chegou à Inglaterra, desbancando o "cricket", maior sucesso da época em terras britânicas. A partir daí, o tênis teve suas regras modificadas e uniformizadas para ser praticado em todo o mundo. Passou a fazer parte da  programação dos Jogos Olímpicos de 1896 a 1924 e foi suprimido nesse ano. A partir de 1900, foi iniciada uma disputa da Taça DAVIS, que equivale ao campeonato mundial de equipes, repartidas por zonas geográficas (americana, européia e oriental).

Na américa do Sul, o tênis tomou considerável impulso, principalmente a partir de 1921, ano em que começou a realizar-se a Taça Mitre (campeonato sul-americano individual e por equipes), e mais ainda depois de 1948, ao ser instítuida a Taça Patin (campeonato sul-americano individual e por equipes juvenis), troféus que têm sido ganho várias vezes pelo Brasil. Dos tenistas sul-americanos destacaram-se internacionalmente a brasileira Maria Ester Bueno e o peruano Alex Olmedo, campeões de Wimbledon.

No Brasil o tênis foi introduzido por estrangeiros no "Rio Cricket", em Niterói e na "Wahallah", de Porto Alegre, por volta de 1898, estando sua coordenação desde 1955 a cargo da Confederação Brasileira de Tênis e Federações Estaduais, subordinadas ao Conselho Nacional de Desportos.

Atualmente o tênis deixa de ser um simples esporte para se tornar um acontecimento internacional, através dos diversos torneios disputados pelo mundo, acompanhados por milhões de pessoas.

Os prêmios, patrocinadores e tenistas (verdadeiras personalidades internacionais) também colaboraram para a festa em que o tennis moderno efetivamente se transformou.




Webdesigner - Amaury Teixeira

Copyright ©2001 - Afaban Sorocaba e Região
Restrições Legais e Termos de Uso do Site